Mr. Fly l Moda Sustentável - peças ecológicas e conteúdo consciente

Natureza que cura

Por Mr.Fly

O Inverno é aquela estação maravilhosa, com sobretudos, campanhas de agasalho, meias, caldos, cobertas e filmes em casa.

Mas apesar de toda a sensação acolhedora, não podemos deixar de cuidar da nossa saúde: sabemos que com a queda da temperatura, sentimos menos necessidade de tomar água, o que pode ser um problema, pois muitas doenças incidentes com maior frequência nessa estação, podem ser evitadas em um organismo devidamente hidratado.

beba agua-01

A busca por uma imunidade fortalecida, se dá com uma alimentação saudável e balanceada.

Optar por alimentos orgânicos e buscar por alternativas não industrializadas, podem ser o caminho decisivo para uma saúde estável, assim como a realização de atividades físicas.

A dica de hoje vai para alguns alimentos que podem fazer diferença na rotina dessa nova estação e são encontrados na natureza:

PRÓPOLIS

O própolis age como antioxidante, bactericida, cicatrizante e anti-séptico.
Substância formada à partir de ceras e resina, é um ótimo remédio para a garganta .
Pode ser encontrado em vários xaropes e misturas com mel e agrião, por exemplo.

SALSINHA

A salsa, além de ser super fácil de cultivar, é rica em antioxidantes e é um ótimo anti-inflamatório.
Usar na alimentação, seja como tempero fresco ou em chás, pode ser uma ótima alternativa para desobstruir as vias nasais, por exemplo.

LIMÃO

O limão é uma fruta poderosa, e apesar de sua acidez latente, em contato com o nosso organismo, tem ação neutralizante.
Seu chá, assim como o uso constante de seu suco, limpa não só o sistema urinário, como também combate as doenças infecciosas.

HORTELÃ

A hortelã, assim como a salsa, age de forma antiespasmódica, diurética, anti-séptica, estimulante e antiemética.
Chás puros ou combinados com outras folhas e ervas, podem ser eficientes no trato respiratório.

EUCALIPTO

A folha do eucalipto é um ótimo remédio para combater qualquer mal ou desconforto que atuante no sistema respiratório.
O vapor de sua fervura é totalmente eficiente para a desobstrução das vias aéreas.

 

Optar por alternativas naturais antes de se submeter ao tratamento químico com remédios e uma forma de preservar o próprio corpo e o planeta!
vegetal-01


 


 

Experiência do bem

Experiência do bem

Por Mr.Fly

Nada melhor do que retomarmos as atividades com o frescor das novas metas para o ano que se inicia.
Pensando nisso, resolvemos colocar a mão na massa e aplicar a sustentabilidade de maneira mais encorpada
em nossa rotina.
E contar para vocês, claro!

No Receitas Sustentáveis de hoje, vamos mostrar como é fácil fazer a receita da
Pasta de Dente Caseira, nascida da necessidade de cuidarmos da saúde da nossa boca aliada
a preocupação com os malefícios de toda a química envolvida no produção dessa modalidade de creme.

Sabemos que o nosso corpo precisa de cuidados e que com os nossos dentes, não é diferente.
Mas será que o creme dental que compramos e consumimos é ambientalmente correto?
Será que isso tudo não é cheio de componente que com uso prolongado, acaba afetando nosso organismo de forma nociva?
Fora os testes em animais, as embalagens nada econômicas e muito menos conscientes.
O processo industrial nunca é acompanhado de forma honesta.

São muitas perguntas e poucas respostas satisfatórias.
Mas isso seria uma postagem altamente pessimista e triste se não fosse por um detalhe:

Fazer a própria pasta de dente não leva menos de 10 minutos.
E o custo-benefício é de fazer sorrir.

A receita que seguimos leva apenas dois ingredientes, pois descartamos o uso de essência.
Vale lembrar que essa é só uma entre muitas outras, e felizmente, você pode variar até escolher a que melhor se adaptar.

INGREDIENTES

IMG_4489

– ÓLEO DE COCO
– BICARBONATO

E? E mais nada.

Para cada porção de óleo de coco, use o dobro de bicarbonato.

IMG_4491

Misture até ficar com uma consistência cremosa mas firme.

Você pode misturar essência de hortelã, ou até mesmo com folhinhas moídas.
O resultado é incrível, vale a pena testar.
Além de rápido e fácil, não agride o seu corpo e com certeza, representa uma agressão ao planeta nula, comparada aos produtos industrializados.

IMG_4498

Você pode comprar alguns potinhos de fácil transporte em lojas de manipulação.
O vidro do óleo de coco, custa em média RS30,00.
Para 70 gramas de bicarbonato, não usamos nem 1/4 do vidro.
O bicarbonato custa RS1, 50 as 70 gramas.
Esse pote que fizemos, dura em média dois meses.
Isso significa menos de cinco reais em para dois meses.
Em menos de 10 minutos.
Não temos desculpa para procurarmos novos caminhos.
Experimente você também, e conte para gente!
Faça parte dessa rede consciente.


Take it easy!

Take it easy!

Por Mr.Fly

Segunda-feira, dia oito, foi aniversário de uma grande rede internacional de fast food
muito importante e influente.
Em nossa página oficial, fizemos a divulgação de uma arte sobre o assunto,
e resolvemos falar um pouco mais.

segunda

A Slow Food é uma filosofia alimentar sustentável, que em oposição ao Fast-Food,
carrega uma proposta de alimentação lenta, onde a apreciação e a confraternização
surgem de maneira saudável com a degustação de alimentos não industrializados.
As redes de Fast-food promovem um modelo de alimentação em série e instantâneo,
onde a relação estabelecida com o prato é reflexo de uma vida em que tempo é dinheiro.
São restaurantes que tem como maior objetivo a rotatividade do público,
não são concebidos para promover um cenário onde as pessoas façam da refeição
uma forma de interação tranquila e consciente.
Mas geram lucro.

Nesse cenário, optar por uma alimentação consciente e sustentável é quase um ato
político.
Procurar consumir produtos não industrializados e construir uma vivência cada vez mais
próxima da terra, valorizando o pequeno produtor, chega a ser considerado perda de tempo.
Perda de tempo pois as pessoas não tem tempo pra nada, e acreditam que seu tempo
deva ser otimizado gerando lucros.
A Mr.Fly só gostaria de explicar que o maior valor que pode-se dar ao próprio tempo,
é gastando-o consigo mesmo de forma produtiva.
Cuidar da saúde é uma forma de amor ao planeta e amor ao seu corpo.
Pensar no que se ingere é cuidar da própria casa!
Portanto, aproveite o fim de ano para repensar seus objetivos para 2015:
seja você mesmo sua meta!
Gaste tempo com o que interessa: nada interessa mais do que sua saúde!


Como assim? Trabalhar de pé?

Como assim? Trabalhar de pé?

Quem nunca morreu de dores nas costas e nas pernas após uma jornada MONSTRO de estudos ou simplesmente por ficar na frente do monitor por muito tempo?

Acreditem: Enquanto passamo cerca de 1/3 de nossas vidas diárias em cima de uma cama, passamos outro 1/3 de nossas vidas sentados. (Pura verdade!)

Na verdade, devemos passar até mais tempo ainda sentados do que simplesmente 1/3, porque não é só no trabalho que ficamos sentados. A gente precisa sentar para comer, assistir televisão, conversar com amigos no bar ou na sala de estar, dirigir no trânsito, viajar de ônibus, carro ou avião, frequentar o salão de beleza…ufa!

O corpo do ser humano simplesmente não foi projetado pela evolução para passar tanto tempo sentado.

Segundo o jornal The New York Times, existem fortes evidências no sentido de que ficar muitas horas sentado pode prejudicar a saúde, na medida em que a inatividade muscular acaba afetando a produção de uma proteína chamada lipase, o que acaba repercutindo de maneira negativa na maneira como o corpo humano processa o metabolismo da gordura. Por via de consequência, tais mudanças seriam os primeiros passos para o caminho que levariam a doenças como a diabete.

Tendo em visto isso tudo, o que fazer então?

Simples: trabalhe de pé [standing at your desk]

standing-up-while-working

Quer saber mais?

Vamos te convencer agora!

1) Em pé é melhor para as costas do que sentado.

2)Aquela postura [em pé] fortalece os músculos das pernas e melhora o equilíbrio.

3) Queima mais calorias do que sentado. 

4) Também é um grande antídoto para a formação de coágulos de sangue profundos nas pernas. (Quando você se sentar por longos períodos, o fluxo sanguíneo diminui por entre as pernas. E o fluxo sanguíneo lento pode definir o cenário para um coágulo sanguíneo se formar. Você provavelmente já ouviu falar disto com as pessoas em vôos longos, mas também pode acontecer no escritório. Ficar em pé e andar espremem as válvulas nas veias das pernas, empurrando o sangue para cima em direção ao coração”).

Stand-desk

É claro que tudo o que é feito em excesso causa mal para a sua saúde, e não poderia ser diferente ao hábito de trabalhar de pé. 

Tanto se sentar em excesso como ficar de pé em excesso causam distúrbios para a saúde. Porém, pesando os prós e os contras vivenciados na prática, pode-se concluir que os benefícios superaram por larga margem os aspectos negativos do “standing desk”. Dentre os benefícios, o principal destacado foi o fato de ter mais energia durante o dia de trabalho.

standing-desks-for-the-office1

Está pegando geral em vááários escritórios e agências!

Que tal fazer o teste e depois contar para gente?

Aprenda a fazer um Coquetel de Frutas e Água de Coco!

Aprenda a fazer um Coquetel de Frutas e Água de Coco!

Mais uma receita para as tardes calorentas que estão chegando! Não se esqueça de servir bem gelado! Aprenda a preparar um coquetel de frutas e água de coco.

– 1 unidade de pêssego em calda

– 100 ml de suco de goiaba

– 50 ml de água de coco

– 1 lasca de gengibre

– 1 colher (sopa) de mel

– Gelo moído

Bata no liquidificador o pêssego em caldas, o suco de goiaba e a água de coco. Em seguida, em uma coqueteleira, junte pequenas lascas de gengibre, mel e gelo moído. Use a sua imaginação para decorar! Vale guarda-chuvinha, frutas no palito e tudo mais.
Bom apetite!

Chá de cascas de maçã

Chá de cascas de maçã

Alguns pratos dispensam cascas e nem imaginamos que poderíamos aproveitá-las para criar algo diferente e saboroso. No caso da maçã, a casca faz um chá delicioso e fácil de preparar: Basta colocar um punhado de cascas de maçã e uma xícara de água para ferver de 5 a 10 minutos. Você também pode adicionar canela, cravo ou mel à mistura para incrementar o gosto. A melhor parte dessa mistura é que ela pode ser tomada quente ou pode esperar esfriar e tomar geladinho nos dias de verão. O chá de cascas de maçã também fica delicioso acompanhado de chá verde ou preto!

Outro ponto positivo dessa mistura é que ao ferver a água com as cascas de maçã, a cozinha fica perfumada, o que a torna também uma ótima receita para tirar odores fortes de qualquer cômodo da casa. Basta deixar o chá quente em um recipiente aberto para aromatizar o ambiente. Adicionar uma barra de canela no chá deixa o cheiro ainda mais fácil de espalhar!

Além de delicioso e natural, você ainda vai deixar um aroma maravilhoso na casa!