Mr. Fly | Moda Sustentável - Peças ecológicas e conteúdo consciente

Fast Fashion X Slow Fashion – Diferenças e impactos sociais e ambientais

Fast Fashion X Slow Fashion – Diferenças e impactos sociais e ambientais

Quando compramos uma peça de roupa nova não nos damos conta por todos os lugares que ela passou e nem como eram as condições de trabalho das pessoas que a confeccionaram. Além disso, não questionamos se aquela marca se preocupa com os impactos ambientais que sua fábrica gera.

Não se sinta desconfortável se você faz parte de grupo de pessoas que pensa nessas situações quando compra novas peças de roupa. Não é tão comum, mas precisamos que isso mude e que nos conscientizemos sobre esse ato que parece tão banal.

A indústria da moda por trás das peças baratas

A moda como temos hoje em dia causa um grande impacto negativo para o meio ambiente e para as pessoas que trabalham na confecção das peças.

A indústria da moda está entre as mais poluentes do mundo, com uma infinidade de produtos químicos sendo descartados na água como formaldeído, cloro e metais pesados, como chumbo e mercúrio. Além disso, ela utiliza muita água para a produção de matéria prima e, depois, para a criação das peças.

Em números, é preciso mais de 700 galões de água para uma única marca de camisetas produzir algodão suficiente para sua produção.

água

O mundo consome cerca de 80 bilhões de novas peças de vestuário a cada ano, isso significa um aumento de 400% em relação a 20 anos atrás, de acordo com “The True Cost“. As pessoas também descartam roupas a uma taxa elevada, a média americana é de  82 quilos de resíduos têxteis a cada ano. Esse consumo deriva da obsolescência programada que o mercado empurra para as pessoas, fazendo com que elas queiram sempre roupas da moda. Além disso, as roupas de antigamente tinham tecido e costura mais resistentes, pois eram feitas para durar, hoje acontece o contrário. As roupas são feitas para não durarem e dessa forma, os consumidores precisam comprar mais peças.

Há outra questão muito séria, que é o trabalho infantil e as exaustivas horas de trabalho com baixa remuneração. Você já se perguntou porque aquela camiseta de tal marca é tão barata? Quem sabe não seja por isso e pela qualidade inferior do material?!

Leia mais: O que é moda consciente?

O Slow Fashion como alternativa sustentável e ética

Chamamos essa moda que estamos acostumado a encontrar em lojas de departamento como Fast Fashion (Moda Rápida). Porém, em contrapartida vem surgindo o movimento Slow Fashion (Moda Lenta). Esse último tem suas raízes no Slow Food que entra no mundo da alimentação e tem muito a ver com o que era praticado antigamente.

Para o Slow Fashion, as roupas precisam ter boa qualidade para durarem bastante tempo. Além do mais, comprar roupas de pequenas fábricas ou da localidade em que vivemos é o mais indicado, pois se gasta pouco com o transporte, além de ser menos poluição indo para o meio ambiente.

Confira a seguir um comparativo entre esses dois movimentos:

infografico

A conclusão que chegamos é que cada vez mais precisamos consumir menos, assim o mercado vai entender que não queremos mais compactuar com essa falta de ética e exploração das grandes empresas da moda.

Compartilhar:

Leave a reply

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>